Apple já prepara novo iPad – iPad 3

A Apple Inc. está trabalhando com fornecedores de componentes e com sua montadora terceirizada na Ásia para fabricar experimentalmente, a partir de outubro, a nova geração de iPads, segundo pessoas a par do assunto. A empresa busca ficar à frente da concorrência nos tablets, um mercado de rápido crescimento.

A empresa de Cupertino, Califórnia, já encomendou componentes básicos, como telas e chips, para um novo modelo de iPad que pretende lançar no início de 2012, segundo as fontes.

 tablet da Apple

Propaganda do tablet da Apple em San Francisco, Califórnia.

Espera-se que o novo iPad terá uma tela de alta resolução, de 2048 por 1536 pixels, em comparação com a de 1024 por 768 do iPad 2. Os fornecedores da Apple já enviaram pequenas quantidades de componentes para a amostragem do iPad 3. Fornecedores informaram que a Apple encomendou telas para um aparelho de 9,7 polegadas.

A porta-voz da Apple em Pequim, Carolyn Wu, não quis comentar.

Um fornecedor de componentes para a Apple disse que a empresa já encomendou peças para cerca de 1,5 milhão de unidades do iPad 3 no último trimestre.

“Os fornecedores vão aumentar e acelerar a produção do novo iPad no quarto trimestre, antes do seu lançamento oficial no início de 2012”, disse uma fonte do fornecedor.

A Apple, como muitas outras grandes marcas de computadores pessoais e eletrônicos de consumo, na verdade não fabrica a maioria dos seus produtos. Ela contrata fabricantes especializados – sobretudo empresas de Taiwan com amplas operações na China – para montar seus dispositivos conforme os projetos da Apple. Eles usam peças de outros fornecedores externos, muitos dos quais também são de Taiwan e outros lugares da Ásia. O arranjo libera Apple e seus fornecedores de administrar complicadas linhas de montagem, que exigem mão de obra intensiva, e a capacidade das empresas de Taiwan de cortar os custos de fabricação ajuda a reduzir o preço dos produtos ao longo do tempo.

A Hon Hai Precision Industry Co., de Taiwan, é quem monta o iPad. Um porta-voz da empresa não quis comentar.

A Apple divulgou grandes lucros no terceiro trimestre fiscal encerrado em 25 de junho, em parte devido à popularidade de seu iPad. A empresa vendeu 9,3 milhões de unidades no trimestre, quase o triplo das vendas de um ano antes. Juntamente com as vendas robustas do seu smartphone, o iPhone, e de outros dispositivos eletrônicos, o lucro líquido da Apple no período mais que dobrou, para US$ 7,31 bilhões, ante US$ 3,25 bilhões um ano antes.

Mesmo assim, a nova geração de iPads chegará em um momento em que há mais concorrência no mercado. Várias empresas, como Samsung Electronics Co., Motorola Mobility Holdings Inc., ZTE Corp. e Toshiba Corp. lançaram dispositivos similares usando o software Android, da Google Inc. A Apple também está envolvida em vários processos judiciais em vários países com a Samsung Electronics, devido a alegações de violação de patente.

Fonte: WSJ

  • Comentários  

    23/06/2017