AMD começa a vender memória DDR3 com a marca Radeon

À primeira vista pode parecer uma tentativa de alguma empresa utilizando a marca AMD para vender módulos de memória, mas na verdade é a AMD que está vendendo memórias.

A AMD esta vendendo módulos de memória DDR3 com a marca Radeon para o mercado consumidor e não apenas para OEMs, que foram vistas em lojas no Japão. São memórias DDR3 certificadas em três segmentos: Entertainment, UltraPro Gaming e Enterprise. Módulos Entertainment DDR3-1333 MHz são os mais adequados para o lar e PC de negócios dos clientes, UltraPro Gaming DDR3-1600 MHz é tratada como adequada para PCs para jogos de todas as formas e tamanhos, enquanto que a Enterprise DDR3 são indicadas para uso em servidores e workstation AMD Opteron.

Um tanto desconcertante, a AMD vender memórias com sua própria marca faz algum sentido. Kits DDR3 de alto desempenho que operam em DDR3-1600 MHz vendidos hoje operam com Intel eXtreme Memory Profiles (XMP), extensão SPD proprietária da Intel para permitir aos usuários definirem a velocidade comercializada facilmente. Placas-mãe da plataforma AMD não suportam XMP, deixando-a em uma desvantagem obvia. As memórias com a marca Radeon usam perfis JEDEC para 1600 MHz, juntamente com timings e voltagens certificadas para execução estável e de forma otimizada. Também pode ser usada a extensão AMD SPD, chamada de “Black Edition profiles”, mas o CPU-Z não parece capaz de detectar isso.

imagem

imagem

A foto acima é do módulo de 2 GB Entertainment, que usa chips de memória da AMD. No Japão, o módulo de 2 GB custa o equivalente a 20 dólares americanos. outras informações sobre o preço são desconhecidas até o momento.

imagem
imagem

imagem

  • Comentários  

    25/09/2017