Google é o emprego mais desejado

De acordo com os resultados da última pesquisa Universum, o Google segue liderando o ranking de empregadores mais cobiçados do planeta pelos estudantes das áreas ligadas à administração. A empresa lidera a sondagem desde 2009 e este sucesso entre os estudantes está ligado com a visão difundida de cultura de inovação, a visão lúdica do trabalho na empresa e a criatividade que se espera de um funcionário do Google.

Outro dado interessante da pesquisa mostra que bancos e empresas de áreas mais tradicionais vem se tornando, ano a ano, menos atrativas para os estudantes. Em compensação, empresas da área de tecnologia, como a Apple, sobem no conceito e se tornam alvo do desejo dos alunos.

Na lista das 10 mais desejadas, além do Google, que lidera o estudo, surgem do segundo ao quinto lugar ainda quatro instituições financeiras. Do sexto em diante, surgem nomes como Microsoft no 6º e Apple (18º lugar em 2010 e 9º neste ano).

Segundo especialistas, empresas como o Google são alvo do desejo dos estudantes porque passam a ideia de que darão a
seus empregados a chance de fazer a diferença no mundo. “Estudantes estão interessados em causar impacto e em lidar com grandes problemas e eles querem um ambiente que os ajude a fazer isso”, diz Kyle Ewing, gerente de talento do Google.

A pesquisa Universum é conduzida por uma equipe de pesquisa de Estocolmo e ouve, anualmente, mais de 160 mil estudantes das 12 principais economias do planeta.

  • Comentários  

    23/06/2017