Nave Atlantis afasta-se da ISS pela última vez

O ônibus espacial Atlantis completou nesta terça-feira sua manobra de inspeção em torno da Estação Espacial Internacional (ISS) e começou a afastar-se da base orbital pela última vez rumo à Terra, informou a Nasa (agência espacial americana).

Às 3h28 (de Brasília), a nave, com quatro astronautas a bordo, soltou as amarras da ISS, onde estão outros seis tripulantes, e iniciou um voo de 360 graus deixando à mostra sua parte inferior para a inspeção ocular a partir da estação.

O propósito é determinar a condição dos painéis térmicos que revestem a aeronave, ao entrar na atmosfera a seu retorno, se submete a uma temperatura de 2 mil graus.

Quase duas horas depois, quando completou a pirueta, a nave começou a afastar-se da ISS, enquanto ambos os equipamentos orbitavam a Terra a 27 mil km/h.

A tarefa seguinte dos tripulantes do Atlantis é a inspeção do exterior da nave com um braço robótico de 15 metros de longitude desde o que uma câmara tomada imagens tridimensionais de alta fidelidade para revisar, novamente, a coberta térmica.

Os técnicos e engenheiros da Nasa no Centro Espacial Johnson, no Texas, a partir de onde a missão é controlada, vão estudar as informações recolhidas em todas as inspeções e nesta quarta-feira decidirão se o ônibus espacial está em condições aptas para o retorno.

A aterrissagem do Atlantis está prevista para às 06h58 (de Brasília) de quinta-feira.

  • Comentários  

    24/05/2017