Caterpillar patina no mercado chinês

A Caterpillar Inc. está perdendo terreno em uma parte crucial do mercado da construção chinês.

A empresa americana, que colocou a venda de máquinas para a construção na China no topo de sua lista de prioridades, vem perdendo mercado para rivais locais nos últimos cinco anos em uma das categorias de produtos mais importantes, as escavadeiras hidráulicas.

A forte demanda da China e outros mercados emergentes tem dado impulso à Caterpillar e a rivais como a japonesa Komatsu Ltd. nos últimos anos, em meio a fracas vendas na América do Norte, Europa e Japão. Mas elas — e a maioria dos outros fabricantes estrangeiros — não aumentaram a capacidade de produção na China com rapidez suficiente para acompanhar a demanda por escavadeiras, o segmento que cresce mais rápido no mercado de construção do país.

Isso permitiu que a Sany Heavy Industry Co. e vários rivais chineses de menor porte aumentassem sua participação de mercado, segundo dados inéditos de Off-Highway Research, uma firma de pesquisa e consultoria de Londres. A Sany e algumas dessas outras empresas chinesas agora também estão buscando formas de entrar nos mercados dos Estados Unidos e da Europa.

Um porta-voz da Caterpillar disse que a empresa, que divulga os resultados do segundo trimestre amanhã, não comenta sobre sua participação de mercado, mas acrescentou que ela vende uma grande variedade de equipamentos de construção e mineração na China, não apenas escavadeiras.

As empresas chinesas estão ganhando terreno no mercado doméstico em parte porque as vendas de ações estão gerando muito dinheiro e permitindo que elas invistam em novas fábricas. Elas também recebem incentivos fiscais e outros estímulos de governos locais chineses e podem se dar ao luxo de ter uma visão de longo prazo do mercado em vez de focar-se em lucros de curto prazo, diz David Phillips, diretor da Off-Highway, que vende os resultados de suas pesquisas a fabricantes e outras partes interessadas.

A Caterpillar, que tem 12 fábricas e 8.500 funcionários na China, está correndo para expandir sua capacidade de produção de escavadeiras no país. No ano passado, a Caterpillar transferiu Richard Lavin, presidente da divisão global de equipamentos de construção da empresa, de sua sede em Peoria, no Estado de Illinois, para Hong Kong, para que ele pudesse supervisionar mais de perto o mercado chinês.

“Temos de vencer na China”, declarou Lavin em uma feira da indústria em Las Vegas em março. O mercado é tão grande que, no longo prazo, “se não liderarmos na China, vamos deixar de ser o líder global da indústria”, disse, acrescentando que escavadeiras estavam se tornando cada vez mais importantes na China.

O mercado chinês de equipamentos para a construção esfriou nos últimos meses, à medida que as taxas de juros mais altas, impostas pelo governo para combater a inflação, desaceleraram a construção.

Mesmo assim, a China continua sendo o maior mercado do mundo para as escavadeiras — grandes máquinas com braços hidráulicos que são usadas na construção de edifícios e infraestrutura, como portos e rodovias.

As escavadeiras hidráulicas-padrão, que pesam seis toneladas ou mais e são impulsionadas por esteiras em vez de rodas, foram responsáveis por quase US$ 20 bilhões em vendas em toda a indústria na China no ano passado, disse Phillips. Os dados excluem as chamadas miniescavadeiras, normalmente usadas em obras de pequeno porte. Das 220.000 escavadeiras-padrão vendidas em todo o mundo no ano passado, disse, cerca de 65% foram compradas por chineses.

As vendas de escavadeiras-padrão da Caterpillar na China quadruplicaram entre 2005 e 2010, chegando a 9.920 unidades, de acordo com a Off-Highway. Mas, como o mercado em geral cresceu muito mais rápido, a participação da Caterpillar caiu de 11% para 7%.

A Caterpillar não detalha as vendas de produtos individuais.

Não está claro qual foi o desempenho da Caterpillar nessa categoria até agora este ano. Dados preliminares de Off-Highway para o primeiro semestre mostram pouca alteração na sua fatia do mercado de escavadeiras de grande porte.

Mas analistas do Morgan Stanley disseram em um relatório recente que as vendas de escavadeiras da Caterpillar na China subiram 52% no primeiro semestre frente a um ano antes, inferior ao aumento de 97% da Sany, mas superior ao crescimento de 29% do mercado em geral.

Numa entrevista no mês passado, o diretor-presidente da Caterpillar, Doug Oberhelman, reconheceu a ameaça de concorrentes chineses: “Há todas essas empresas [na China], e uma consolidação está acontecendo, e sabemos que uma ou duas surgirão como um rival sério.”

Fonte: wsj

  • Comentários  

    21/11/2017