Feira do Empreendedor de 2011, em Salvador – Bahia

A quinta edição da Feira do Empreendedor de 2011, em Salvador, vai ter muitas novidades, a começar pela ampliação no número de palestras e oficinas, além do período do evento, que passa de quatro para cinco dias. De 4 a 8 de outubro, das 14h às 22h, os empreendedores e empresários baianos terão a oportunidade de se capacitar e conferir as novidades nas áreas de franquia, máquinas, oportunidades de negócios e soluções digitais no Pavilhão de feiras do Centro de Convenções da Bahia.

De acordo com Adriana Moura, supervisora de Projetos Especiais do Sebrae e coordenadora da Feira, este ano, devido à grande procura por cursos e oficinas na edição passada da Feira, o Sebrae resolveu passar de 140 para 300 capacitações. O evento terá ainda um seminário de empreendedorismo para 850 pessoas no Dia da Micro e Pequena Empresa, 5 de outubro.

Entre as parcerias já confirmadas para o evento está o Senac (Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial), que vai oferecer cursos para 2.700 pessoas distribuídas em seis salas. “Além disso, aumentamos a quantidade de expositores de oportunidades de negócios. Serão mais de 100 empresas divididas em franquias, máquinas e equipamentos, representação comercial, soluções digitais e negócios verdes e sustentáveis”, enfatiza Adriana Moura, que tem a expectativa de um público de 30 mil visitantes nos cinco dias de evento.

Na área de atendimento empresarial serão mais de 30 guichês, contando com a colaboração de parceiros que ajudarão na orientação para quem quer abrir uma empresa e quem já possui um empreendimento. Em um só local será possível obter todas as informações sobre gestão, planejamento, legalização, financiamento e acesso à tecnologia.

Adriana lembra ainda que a Feira terá um espaço exclusivo para o Empreendedor Individual. Serão 300m² para atendimento, consultoria coletiva e registro de novos empreendedores, além de orientação aos já formalizados. “A meta do Sebrae em 2011 é registrar 77 mil empreendedores individuais e a Feira vai contribuir para alcançarmos esse objetivo”, acredita Adriana.

O superintendente do Sebrae Bahia, Edival Passos, destaca que essa Feira vai valorizar a economia da cultura, enfatizando as oportunidades de negócios que podem ser geradas no campo da cultura. Já o diretor operacional do Sebrae, Lauro Ramos, ressalta que a Feira vai apresentar para o visitante oportunidades de investimentos para a Copa do Mundo, evento que terá Salvador como cidade-sede. “Nossa preocupação é com o antes, o durante e o depois da Copa, para que o empresário possa continuar tendo êxito em sua atividade, mesmo depois de passado o evento”, diz.

O Sebrae Bahia realizou nas duas últimas edições (2007 e 2009) a melhor Feira do Empreendedor do Brasil, título concedido pelo Sebrae Nacional. As inscrições para o evento serão feitas através do site, a partir de maio.

fonte: www.feiradoempreendedor.ba.sebrae.com.br

  • Comentários  

    17/08/2017