Neymar acerta patrocínio com a Volkswagem

A Volkswagen é a nova patrocinadora pessoal de Neymar. Embora o negócio ainda não seja confirmado oficialmente, a fabricante de veículos alemã terá o atacante do Santos e da seleção brasileira como novo garoto-propaganda em breve. Trata-se do 11º parceiro comercial do jogador, apoiado por Nike, Panasonic, Red Bull, Tenys Pé, Ambev, Lupo, Ministério do Esporte, Santander, Claro e Unilever.

Com o sucesso nas negociações, a companhia alemã atravessou uma concorrente, a Hyundai, que também mantinha tratativas para patrocinar o jogador. A Volkswagen preenche um segmento até então livre entre os patrocinadores de Neymar, o automotivo. É também o primeiro aporte pessoal conquistado pelo atacante neste ano – Santander, Claro e Unilever, os mais recentes, assinaram os acordos no fim de 2011.

Os valores não foram divulgados, mas é certo que o Santos levará uma parte dos ganhos. O clube recebe 30% da quantia relativa aos primeiros acordos e 10% dos mais recentes, fechados depois de o atleta decidir renovar contrato para ficar no país até a Copa do Mundo de 2014. Apenas o patrocínio da Nike, conquistado pelo atacante antes de o time propor um plano de marketing, não gera dividendos à equipe.

Na última segunda-feira, Neymar também se tornou “sócio” do Palpiteros, rede social lançada para aglutinar fãs de futebol na internet. O jogador terá direito a uma porcentagem sobre as receitas publicitárias oriundas da página dele, em um contrato válido por cinco anos. Esse percentual, portanto, irá crescer conforme a participação do jovem na mídia estimule torcedores e faça crescer o número de acessos ao site.

Maquina do Esporte

  • Comentários  

    22/11/2017