Ginástica artística e Trampolim faz testes para as Olimpíadas

As seleções brasileiras de ginástica artística e de trampolim encerraram nesta sexta-feira (13/01/2012) a participação no evento-teste para as Olimpíadas, realizado na North Greenwich Arena, em Londres. Daiane dos Santos (foto) ficou com a medalha de bronze nas finais do solo da ginástica artística. Giovanna Matheus, que disputava uma vaga olímpica no trampolim, terminou a competição em 13º lugar e não conseguiu a classificação para os Jogos, em julho deste ano.

Medalha de bronze na Copa do Mundo de Trampolim do Japão, Giovanna marcou 44.830 pontos em seu primeiro salto, ficando na 14ª colocação. Em sua segunda apresentação, a brasileira contabilizou 49.875 pontos, somando 94.705 na classificação geral. Cinco ginastas conquistaram a vaga no trampolim: Luba Golovina (Geórgia), Ana Rente (Portugal), Zita Frydrychova (República Tcheca), Galina Goncharenko (Rússia) e Andrea Lenders (Holanda). Além de Giovanna, 16 atletas de Canadá, China, França, Grã-Bretanha, Geórgia, Japão, Holanda, Portugal, República Tcheca, Rússia, Ucrânia e Uzbequistão participaram da prova.

A última apresentação brasileira no Pré-Olímpico de Londres ficou por conta de Daiane dos Santos e Daniele Hypólito, que disputaram as finais do solo com outras seis ginastas. Daiane fez 14.066 pontos e empatou na terceira colocação com Marine Brevet, da França. Daniele terminou na oitava posição, com 13.733 pontos.

O Brasil já havia garantido duas vagas para os Jogos de Londres durante o Pré-Olímpico. A primeira com Sérgio Sasaki, que, apesar da eliminação na disputa masculina por equipes, conquistou a vaga individual. Já a equipe feminina garantiu a classificação após terminar em quarto lugar na seletiva, que também carimbou o passaporte das seleções de Itália, Canadá e França.

Com os resultados do evento-teste de ginástica, o Brasil já tem 149 vagas asseguradas para as Olimpíadas de Londres 2012.

 Esporte

  • Comentários  

    24/06/2017