G4 contrata SportTrack para mapear mercado e torcida

Desde a formação do G4, entidade composta por Corinthians, Palmeiras, Santos e São Paulo, houve muitas negociações e poucas conclusões. O único patrocínio fechado e ativado em dois anos de atuação é o da Femsa, por meio das marcas Kaiser e Coca-Cola. Para reverter esse cenário, o grupo aposta em inteligência de mercado.

A Sport Track Inteligência, agência especializada em pesquisas voltadas para o mercado esportivos e inteligência de mercado, foi contratada pela entidade para mapear oportunidades. “Eles irão nos mostrar qual é o perfil da torcida, do nosso consumidor, para prospectarmos novos clientes em diferentes ramos”, aponta José Luis Peres, diretor executivo do órgão.

O desejo do grupo é conseguir um patrocinador para cada segmento, isto é, uma seguradora, uma fabricante de automóveis, um banco, e assim por diante. Por enquanto, o G4 já sabe que alcança cerca de 97% da população paulista, por contar com os quatro clubes, mas pretende entender os hábitos desses torcedores.

Embora os estudos específicos a serem realizados pela Sport Track – pertencente a Rafael Plastina – ainda não estejam prontos, a entidade já vem conversando com empresas de alguns segmentos. Entre seguradoras, nenhum nome será revelado por enquanto, mas já há reuniões regulares com duas companhias.

No caso do setor automobilístico, conforme antecipou na última quarta-feira (20), há negociações em andamento com Fiat, atual patrocinadora do Palmeiras, e outras duas companhias. Em relação aos bancos, a chegada do BMG a São Paulo, Santos e Palmeiras fez com que conversas fossem prejudicadas

  • Comentários  

    16/08/2017