Com redução, Banif renova aporte ao Marítimo

O Marítimo renovou por um ano o contrato com seu principal patrocinador, mas isso não representa apenas uma boa notícia. Para manter o Banco Internacional do Funchal (Banif), o time de futebol português precisou aceitar uma redução no valor do aporte.

A redução foi oficializada por Carlos Pereira, presidente do Marítimo. No entanto, ele não divulgou quanto o clube recebia ou qual foi o tamanho do corte realizado pelo patrocinador.

A justificativa oficial para a redução é a crise financeira que assola Portugal atualmente. Neste mês, o Banif também renovou contrato com o Nacional da Ilha da Madeira e manteve os valores que pagava anteriormente.

“A redução é resultante de uma conjuntura que vive o país, mas o Banif continua a nos apoiar. Isso é relevante”, ponderou Pereira em entrevista coletiva.

A despeito de ter diminuído o investimento, o Banif desfrutará das mesmas propriedades que explorava no contrato anterior. Isso inclui espaços em placas em estádios, ginásios e centros de treinamento do clube.

Fonte: Maquina do Esporte

  • Comentários  

    22/10/2017