Exportação de Carne Suína para China

China tem potencial para virar maior mercado de carne suína do Brasil

O Brasil tem atualmente três frigoríficos habilitados a exportar para a China. Além destes, mais cinco já enviaram a documentação ao Ministério da Agricultura mostrando que adotaram as medidas previstas para atender ao mercado chinês. Em novembro, o Brasil realizou os primeiros embarques para a China, país que recebia a carne brasileira anteriormente somente via Hong Kong.

Exportações em 2011

Devido ao embargo à carne suína do Brasil imposto pela Rússia, Hong Kong vai superar os russos como o principal destino para as exportações brasileiras do produto já em 2011, afirmou nesta terça-feira a Abipecs, entidade que reúne as indústrias do setor.

“A estimativa é que em 2011 as vendas para Hong Kong superem as dirigidas para a Rússia”, relatou a associação em comunicado.

O Brasil exportou para Hong Kong, tradicionalmente o segundo destino para a carne suína do Brasil, 120 mil toneladas no acumulado de janeiro a novembro, crescimento de 33 por cento sobre o ano anterior. As exportações para a Rússia no acumulado do ano somam 123,5 mil toneladas, mas como as vendas para os russos estão baixas é muito provável que, com os embarques de dezembro, Hong Kong assuma a liderança.

A Rússia impõe um embargo quase que total à carne suína do Brasil desde junho, limitando os frigoríficos autorizados a exportar. Para 2011, a Abipecs estima que as vendas externas totalizem 520 mil toneladas, abaixo das cerca de 540 mil toneladas embarcadas em 2010, segundo Camargo Neto.

Em novembro, as exportações do Brasil para a Rússia somaram apenas 2.835 toneladas. No acumulado do ano, a queda é de 44,5 por cento na comparação com o mesmo período de 2010. No mês passado, o Brasil exportou para todos os destinos 43 mil toneladas, volume praticamente estável em relação ao mesmo mês do ano passado.

Segundo a Abipecs, a demanda deve continuar aquecida no mercado interno e no mercado externo, com avanço das exportações especialmente para a Ásia.

Reunters

  • Comentários  

    22/11/2017