Desmatamento ilegal no sertão do Araripe/PE

O desmatamento ilegal no sertão do Pernambuco atingiu uma área desmatada de aproximadamente 547 hectares, as áreas foram embargadas pelo Ibama durante a Operação Borborema, realizada entre os dias 5 e 12 desse mês. Além dos desmatamentos, foram autuadas outras irregularidades, como lixões a céu aberto e caça predatória de animais silvestres. O total de multas somam mais de R$ 763 mil.

         

A operação ocorreu no sertão do Araripe e as infrações foram encontradas nos municípios de Ouricuri, Granito e Arcoverde. Essa região concentra uma das maiores fontes produtoras de gipsita do mundo e tem um grande mercado consumidor de lenha nativa em função da calcinação da gipsita para a produção de gesso. Nesse pólo de exploração mineral foi encontrado um dos maiores desmatamentos ilegais ocorridos na caatinga pernambucana nos últimos anos, com área aproximada de 332 hectares. Os fiscais do Ibama constataram durante a ação que os desmatamento foi realizado com o uso tratores de esteira e uso intenso de fogo.

Ibama

  • Comentários  

    26/06/2017